Seja bem-vindo ao Repórter Especial

acompanhe-nos:

SERVIDOR PÚBLICO

Iprev suspende pensão e aposentadoria de servidores por falta de cadastro
Aposentados e pensionistas precisam atualizar informações para provar que estão vivos. A medida é para evitar fraudes
Por Repórter Especial
21/06/2019 - 08h57 - Atualizado em 21/06/2019 - 09h14
Paulo Henrique Carvalho/Agência Brasília

Cerca de 318 aposentados e pensionistas que não fizeram o recadastramento no prazo tiveram seus pagamentos suspensos pelo Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Distrito Federal (Iprev). Aniversariantes do mês de janeiro, eles tinham até junho para apresentar documentação de prova de vida. Um processo administrativo será aberto para cortar definitivamente os pagamentos.

Aniversariantes de fevereiro podem ficar na mesma situação. Os 543 beneficiários tem até julho para atestar que estão vivos. Caso não haja comprovação, as aposentadorias serão bloqueadas extintas. O procedimento é obrigatório desde janeiro de 2019. Ao longo deste ano, 61.483 pessoas deverão atualizar as informações. A ação é para evitar irregularidades, como duplicidade de pagamento, contracheques acima do teto salarial e depósitos feitos em contas de funcionários que já morreram.

voltar página anterior
IR AO TOPO