Seja bem-vindo ao Repórter Especial

acompanhe-nos:

NEGÓCIOS

Governo vai propor IR maior para ricos, diz assessor de Guedes
Equipe econômica prepara novas propostas de reforma tributária
Por Repórter Especial
30/07/2020 - 11h33
Foto: Divulgação

O Governo Federal vai apresentar, entre as propostas para a reforma tributária, o aumento do limite de isenção do Imposto de Renda das Pessoas Físicas (IRPF), a redução das deduções, uma alíquota maior para os mais ricos e também a taxação de transações financeiras a fim de desonerar as folhas de pagamento, informou Guilherme Afif Domingos, assessor especial do Ministério da Economia.

De acordo com Guilherme Afif, as mudanças que o governo pretende propor no Imposto de Renda da Pessoa Física são:

  • Aumento da faixa de isenção dos atuais R$ 1.903,99 por mês para cerca de R$ 3 mil;
  • Redução nas deduções (atualmente, há deduções por despesas médicas, por dependentes e por despesas educacionais);
  • Diminuição da alíquota de 27,5%, atualmente a mais alta;
  • Criação de uma alíquota maior para os mais ricos;
  • Retomada da cobrança de imposto sobre a distribuição de lucros e dividendos para as pessoas físicas, que existia até 1996.
voltar página anterior
IR AO TOPO