Seja bem-vindo ao Repórter Especial

acompanhe-nos:

CARREIRA

Aumenta Número de Alunos Negros na Universidade
Crescimento foi substancial, em 4 anos
Por Repórter Especial
05/10/2020 - 09h57
Arquivo Agência Brasil/Marcello Casal Jr/Reprodução

A quantidade de alunos negros, no ensino superior, saltou quase 75% entre 2014 e 2018, mas a parcela de professores pretos ou pardos, nesta etapa de ensino não cresceu no mesmo ritmo, apontam dados levantados pela plataforma Quero Bolsa, a partir dos resultados do Censo da Educação Superior. No período, o número de docentes aumentou, mas apenas 8%. Para especialistas, a diferença está na incidência de ações afirmativas, mais abrangentes para alunos e ainda escassas na hora de contratar os profissionais para as salas de aula.

O país tinha 60.194 professores negros no ensino superior em 2014, o que representava 15,2% do total. O número subiu para 65.249 em 2018 —como houve ligeiro aumento em todo o corpo docente, o percentual de professores negros no ensino superior ficou em 16,4%.

voltar página anterior
IR AO TOPO