Seja bem-vindo ao Repórter Especial

acompanhe-nos:

POLÍTICA

As eleições de 2020 em números estratégicos
Disputa no 2º turno teve 17 viradas e uma vitória com 0,63% de diferença.
Por Repórter Especial
30/11/2020 - 18h09
Distribuição

As eleições de 2020 se encerraram em 5.567 municípios brasileiros. A maioria já tinha escolhido seus prefeitos e vereadores, no dia 15 de novembro, no 1º turno. No total, 57 cidades tiveram disputa de 2º turno e finalizaram a votação, neste domingo (29). Para ter uma segunda rodada, a cidade precisa ter mais de 200 mil habitantes.

Mas as eleições ainda não acabaram: em Macapá. O apagão do começo do mês fez a votação ser adiada (o 1º turno foi remarcado para 6 de dezembro e, se necessário, o 2º turno será no dia 20 de dezembro.

Em 104 cidades as eleições estão sub judice (isso porque os eleitos tiveram o registro indeferido e aguardam uma decisão da Justiça Eleitoral).

Veja alguns números das eleições de 2020. O levantamento foi feito, pelo G1.

- 29,43% dos eleitores se abstiveram no 2º turno;

- A abstenção de eleitores chegou a 29,43% no 2º turno, percentual maior do que os 23,14% do 1º turno. Em eleições municipais anteriores, a abstenção no 2º turno foi de 21,55% em 2016 e de 19,12% em 2012;

- Campinas foi a cidade com a maior proporção de votos nulos e brancos no 2º turno;

- Vitória da Conquista foi a cidade com a maior participação eleitores nas urnas;

- 784 eleitos: MDB é o partido com mais prefeitos;

- O MDB elegeu 784 prefeitos e será o partido com o maior número de prefeituras, além de ser a legenda que mais ganhou nas capitais. Apesar disso, o partido elegeu 251 prefeitos a menos em comparação com 2016. PP e PSD vêm logo em seguida, com 685 e 654 prefeitos eleitos, respectivamente.

Como se saíram os partidos nas capitais?

- 45% dos municípios serão comandados pelo Centrão;

- Os partidos do Centrão, que formam a base política na Câmara dos Deputados do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), vão administrar mais de 2,4 mil municípios a partir de 2021, o equivalente a 45% das cidades brasileiras. São 10 partidos que formam o grupo: PP, PSD, PL, PTB, Republicanos, PSC, Solidariedade, Avante, Patriota e Pros.

Veja o número de prefeituras de cada partido do Centrão

 - 34 milhões de pessoas vão ser governadas pelo PSDB

- O PSDB será o partido que vai governar o maior número brasileiros: 34 milhões de pessoas vivem nas cidades em que os candidatos da legenda ganharam a disputa.

- O MDB será responsável por cidades que, somadas, chegam a 26 milhões de habitantes, enquanto o DEM comandará quase 25,5 milhões de pessoas;

- PSDB, MDB, PSD e DEM vão administrar o maior número de grandes cidades;

- Nenhuma capital será comandada pelo PT;

- Pela primeira vez desde a redemocratização, o PT não elegeu prefeito em nenhuma das capitais do Brasil. Em 2020, o partido termina a eleição com 183 prefeituras, menor número em 16 anos.

voltar página anterior
IR AO TOPO